Qual a idade certa para a criança entrar nas redes sociais?

By 15 de junho de 2016Aconteceu no Next

No mundo globalizado, é normal que as crianças queiram participar de todas as novidades, incluindo as redes sociais. Um dos maiores problemas para os pais é quando chega a hora de decidir se as crianças devem ou não se introduzir no mundo das redes sociais. O problema se agrava porque cada vez mais a idade das crianças que se interessam por esses sites é menor. 

As próprias redes sociais possuem regras de participação quanto à idade – essas regras, no entanto, são ignoradas frequentemente. Saiba agora qual a idade ideal para que a criança entre nas redes sociais. 

Benefícios das crianças nas redes sociais

Os benefícios das crianças nas redes sociais são pontos a serem pensados. Já que eles nasceram e cresceram nesse mundo tecnológico, a facilidade de comunicação e entendimento da rede é muito maior que dos adultos. A internet e as redes sociais podem auxiliar o desenvolvimento psicomotor das crianças, aumentar a criatividade e melhorar no aprendizado, quando usados de forma correta. 

Malefícios das crianças nas redes sociais

Os são incontáveis. Primeiro porque a criança não possui malícia e nem discernimentos necessários para entender e reconhecer uma situação de risco. O contato com estranhos é multiplicado veementemente quando as crianças estão em redes sociais. Outros problemas como bullying, falta de privacidade, rastreamento rápido de informações e um contato maior com a violência e a pornografia são bem aparentes.

Além disso, sempre se deve lembrar que para tudo há um limite. Se sua criança passa horas nas redes sociais e perde o horário de ir para a cama, certamente o rendimento nos estudos cairá.

A informação é sua maior aliada

Quando não se pode mais proibir uma coisa natural, a informação é a sua maior aliada. Conversar com seu filho francamente irá auxilia-lo a manter sua privacidade nas redes sociais. A instrução sempre será a melhor arma contra os malefícios que outros podem causar a seu filho ou a sua família. Converse sempre que achar necessário, procurando criar um diálogo de confiança com a criança. 

A idade certa

Além das redes sociais terem um limite mínimo de idade para sua utilização, alguns estudiosos falam que não há idade correta para o uso dessas redes. Cada criança tem uma realidade. As características de cada idade devem ser muito bem trabalhadas para que os perigos não ocorram frequentemente. Vale lembrar que, quanto mais tarde essa participação acontecer, melhor.

Dicas para os pais com crianças nas redes sociais

  • Controle o horário de uso das redes sociais e da internet de forma geral;
  • Converse sobre as fotos e postagens que seu filho faz ou que ele não deveria fazer;
  • Fiscalize essas atividades sempre que necessário;
  • Navegue junto com seu filho;
  • Não deixe que as crianças passem da hora de dormir;
  • Esteja presente para tirar todas as dúvidas de seus filhos;
  • Ative o controle para pais nas redes sociais.

Informando e participando da vida virtual de seu filho, não há o que temer. Mas lembre-se de que há uma medida certa para cada atividade e não é bom extrapolar os limites impostos. Saiba mais sobre qual a medida certa das tecnologias na vida das crianças clicando aqui.

Você é contra ou a favor das crianças nas redes sociais? Seus filhos já usam a internet? Você ainda tem dúvidas sobre esse assunto? Deixe um comentário no post nos contando sua experiência com as redes sociais e as crianças!

Leave a Reply