4 livros para incentivar a criatividade das crianças

By 20 de abril de 2016Aconteceu no Next

Um incontável número de pesquisas aponta que ler faz bem em diversos níveis, em qualquer fase da vida. Além de ajudar na criatividade das crianças, estimular a atividade cerebral, criar pensamento crítico, a leitura combate a perda de memória e até mesmo doenças.

Ter contato com livros desde cedo ajudará a criança e depois o adolescente a criar referências culturais e se preparar para os desafios da vida. Ler engloba adquirir cultura e vocabulário, conhecer universos diferentes. Quanto mais a criança lê, mais repertório ela vai somando. A tendência é que o raciocínio melhore com o tempo, pois o cérebro constantemente estimulado responderá cada vez mais rapidamente.

A relação entre o desenvolvimento e a leitura

Para se ter uma ideia da importância da leitura para o desenvolvimento do cérebro, um estudo feito na Inglaterra mostrou que a atividade do órgão é estimulada de forma mais intensa quando a pessoa lê obras clássicas da literatura, em comparação com a leitura de títulos populares.

A leitura de palavras não usuais e com texto estruturado de uma forma mais complexa faz com que a atividade cerebral aumente. Por isso, fazer com a criança e o adolescente leiam é fundamental para o crescimento da criatividade, mas é importante ir aos poucos sofisticando a escolha dos livros.

Há ainda outro dado importante. Em tempos de tecnologia, ler no papel faz mais bem ao cérebro do que a leitura em tablets, computadores ou celulares. No papel, segundo estudo, a concentração aumenta e o cansaço visual diminui.

Dicas para estimular a leitura

A leitura pode gerar efeito contrário e afastar a criança do livro. Faça com que a leitura seja uma atividade prazerosa, natural. Participe da escolha, converse com seu filho sobre o livro, veja como ele reage. Se for a uma livraria ou biblioteca, leve seu filho junto. Escolher o próximo livro pode ser uma aventura para ele.

Por isso, a escolha do livro deve ser bem-feita. O título deve ser adequado à idade dela, ou a criança pode se desestimular ao se deparar com algo ainda incompreensível para ela.

Outro ponto importante: criança gosta de imitar o que acontece em casa. Portanto, dê o exemplo, dedique um tempo para você ler também. Você pode, por exemplo, criar um horário de leitura da casa.

Compartilhar histórias é um bom passo para fortalecer os laços afetivos e estimular a leitura. Então, leia para o seu filho. A atividade fará com que a criança se envolva com a história, despertando a curiosidade para outros assuntos.

Sugestões de livros para incentivar a criatividade das crianças

Menina bonita do laço de fita, de Ana Maria Machado

A obra de Ana Maria Machado conta a história de um coelhinho branco que se apaixona por uma menina negra e quer ter a pele da mesma cor que ela. O interessante é que o livro se faz bastante atual com a discussão da igualdade racial.

Eu me Pergunto, de Jostein Gaarder

A história se desenrola quando um garoto caminha de volta para a casa e lança perguntas sobre vida, sua história e memórias.

Os Meninos da Rua Paulo, de Ferenc Molnár

História clássica de crianças que brincam nas ruas e defendem o pequeno pedaço de terra que possuem para brincar. O livro trata de amizade e laços afetivos, que fizeram a obra se tornar tão famosa no mundo inteiro.

Onde Vivem os Monstros, de Maurice Sendak

É um dos livros mais premiados da literatura infantojuvenil. Conta a história de um menino que fica de castigo após uma malcriação e cria um mundo próprio no seu quarto. Trata, ao fundo, da relação entre filhos e pais, de forma bem-humorada.

Gostou das nossas dicas de livros para incentivar a criatividade das crianças? Quer acrescentar algum livro nesta lista? Deixe seu comentário!

 

Leave a Reply